Obesidade: Desvendando os perigos e desafiando o risco

Publicado por: Feed News
05/03/2024 10:09 PM
Exibições: 126
Cortesia Editorial Freepik
Cortesia Editorial Freepik

Consequências médicas e alertas profissionais para uma jornada de saúde

 

O excesso de peso não é apenas uma questão estética; é uma preocupação médica crucial. À medida que a quantidade de peso corporal excede limites saudáveis, os riscos de desenvolver diversas doenças aumentam, advertem os especialistas.

 

Riscos Graves Associados à Obesidade:

A obesidade, uma condição complexa caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura, está intrinsecamente ligada a diversos problemas de saúde:

 

Doenças Cardíacas e Derrames: Eleva a probabilidade de hipertensão e níveis prejudiciais de colesterol, fatores de risco significativos para doenças cardíacas e derrames.

 

Diabetes Tipo 2: Aumenta o risco de resistência à insulina e diabetes, alertando para complicações metabólicas.

 

Câncer: A obesidade amplifica o risco de vários tipos de câncer, incluindo uterino, cervical, endometrial, de mama, de cólon, retal, esofágico, de fígado, de vesícula biliar, de pâncreas, de rim e de próstata.

 

Problemas Digestivos: Aumenta a probabilidade de desenvolver doenças da vesícula biliar, problemas hepáticos e distúrbios digestivos.

 

Apneia do Sono: A obesidade é um precursor para apneia do sono, um distúrbio grave onde a respiração para e reinicia repetidamente durante o sono.

 

Osteoartrite: O excesso de peso sobrecarrega as articulações, resultando em inflamação, inchaço, dor e calor no corpo.

 

Doença Hepática Gordurosa: A obesidade aumenta o risco dessa condição, causada pelo acúmulo excessivo de gordura no fígado.

 

Sintomas Graves de COVID-19: Indivíduos obesos correm maior risco de complicações graves da COVID-19, potencialmente exigindo tratamento em unidades de terapia intensiva ou ventilação mecânica.

 

É imperativo reconhecer que mesmo uma perda moderada de peso pode melhorar ou prevenir problemas de saúde relacionados à obesidade.

 

Causas da Obesidade e Fatores de Risco:

O desenvolvimento da obesidade é influenciado por uma variedade de fatores, incluindo:

Idade: Diminuição da atividade metabólica associada à redução da atividade física.

Doenças Endócrinas: Alterações no comportamento alimentar e redução na produção de hormônios queimadores de gordura.

Condições de Trabalho: Ambientes que não exigem atividade física.

 

Predisposição Genética: Um fator de risco, especialmente quando a obesidade é observada em parentes próximos.

 

Má Nutrição: Fator comum na obesidade.

 

Sedentarismo: A falta de atividade física diária moderada e a prática de esportes contribuem para a acumulação de calorias não convertidas em energia.

 

Adotar hábitos alimentares mais saudáveis, aumentar a atividade física e promover mudanças comportamentais são cruciais para a perda de peso. Um alerta ressalta que aproximadamente 80% dos adolescentes obesos enfrentarão problemas ponderais na idade adulta. O papel preventivo das escolhas de estilo de vida não pode ser subestimado diante dos perigos da obesidade.

Vídeos da notícia

Imagens da notícia

Tags: