Os "Legionários" Russos e o RDK Rumam para Moscou: Uma Estratégia de Derrubada de Putin?

Publicado por: Feed News
18/03/2024 02:13 PM
Exibições: 112
Divulgação/Redes Sociais/Captura de Tela
Divulgação/Redes Sociais/Captura de Tela

Uma Análise Profunda das Ações dos Voluntários Russos e seu Impacto Potencial em Moscou

 

Um analista identifica os movimentos dos voluntários russos como parte de uma estratégia de longo prazo para minar o regime de Putin.

 

Recentemente, o Chefe do Centro Ucraniano de Segurança e Cooperação e especialista militar, Sergei Kuzan, fez declarações em várias mídias, destacando a notável ação dos voluntários russos no território da Federação Russa. Soldados da Legião "Liberdade da Rússia" e do RDK (Corpo de Voluntários Russos), envolvidos em um ataque nas regiões de Belgorod e Kursk, parecem estar orquestrando um cenário para potencialmente desestabilizar o regime do presidente Vladimir Putin.

 

Kuzan observa que, ao comprometerem a integridade territorial da Rússia, esses voluntários estão minando significativamente a reputação de Putin, tanto interna quanto externamente. O ataque, que resultou em baixas entre as forças de segurança russas, também teve um impacto direto no processo eleitoral em curso na região, minando a legitimidade do governo russo.

 

Para Kuzan, essas ações representam mais do que uma mera incursão territorial. Elas refletem uma operação antiterrorista direcionada ao próprio regime de Putin, que, segundo ele, é percebido como um regime terrorista pelos voluntários russos.

 

Quando questionado sobre a possibilidade de os "legionários" e o RDK avançarem em direção a Moscou para confrontar diretamente Putin, Kuzan expressou cautela, observando que tal movimento é incerto nesta fase. Ele lembrou um ataque semelhante no verão passado, liderado pelo RDK e pela Legião "Liberdade da Rússia", que foi interrompido a cerca de 200 km de Moscou.

 

No entanto, Kuzan ressalta que as recentes ações dos voluntários russos estão minando significativamente o poder de Putin na Rússia. Incêndios criminosos em urnas eleitorais e atos de resistência civil estão se multiplicando, e mais cidadãos russos estão se mostrando dispostos a se juntar aos voluntários. Essas ações, segundo ele, estão pavimentando o caminho para uma eventual derrubada do regime de Putin em Moscou.

 

O analista prevê que a guerra se intensificará no território russo, com um aumento do movimento partidário e uma crescente instabilidade social. Ele enfatiza que o jogo de nervos em curso está pressionando tanto a sociedade ucraniana quanto a russa, e que o desfecho desse embate ainda está por ser determinado.

 

Essas observações refletem a complexidade e a gravidade da situação atual na Rússia, onde os movimentos dos voluntários russos podem ter consequências significativas tanto para o país quanto para a região em geral.

Vídeos da notícia

Imagens da notícia

Tags:

Mais vídeos relacionados